Keyword Planner: Descubra palavras-chave com essa ferramenta!

Keyword Planner

Quando a ideia é fazer com que o site ou blog do seu negócio esteja bem posicionado nos resultados de pesquisa dos mecanismos de busca, não se pode esquecer da importância das palavras-chave. Afinal, elas permitem que os internautas visitem o seu endereço na web.

Ou seja, depois que um usuário do Google, por exemplo, digita na barra de pesquisa uma determinada palavra, aparecem os sites e blogs que possuem como foco essa mesma palavra. Então, você deve escolher boas palavras-chave para a sua marca ser acessada além de oferecer um conteúdo que compartilhe com as intenções de pesquisas dos usuários.

Claro que esses termos devem ser coerentes com o seu segmento de mercado, mas de acordo com ele, é possível dar preferência a uma palavra ao invés de outra. Nessa hora, como fazer as escolhas mais assertivas?

Continue lendo este artigo e saiba mais sobre Keyword Planner: descubra palavras-chave com essa ferramenta do Google!

O que é o Keyword Planner?

Na hora de investir em marketing digital, a sua empresa pode usar o marketing de conteúdo para atrair e conquistar o seu público alvo. Ele consiste em criar sites e blogs com conteúdo interessante e relevante para os consumidores em potencial do seu produto ou serviço.

Dessa forma, a marca se aproxima do público, cria autoridade ao oferecer conteúdo informativo de qualidade e ganha a confiança do consumidor. Mas para que os internautas acessem o seu site, primeiro, é preciso que eles o encontrem. E como fazer isso?

É nesse ponto que entra em cena o poder das palavras-chave, sendo que as mais frequentemente usadas pelo seu público nos buscadores devem ser as mesmas que você tem em seu blog ou site. Com isso, são maiores as chances da sua mídia aparecer nos resultados.

Existem outras técnicas de SEO que contribuem com o melhor rankeamento da sua marca na internet, mas as palavras-chave estão entre as principais. Vale lembrar que SEO quer dizer otimização para mecanismos de busca.

Ele consiste em várias orientações estipuladas pelo Google para que o seu endereço virtual seja bem posicionado na busca orgânica.

No entanto, ao pagar para aparecer bem ranqueado, também é preciso utilizar de forma adequada as palavras-chave. Nesse caso, o Google disponibiliza a ferramenta Google Ads, que são os links pagos que aparecem no topo da pesquisa.

E o Google Keyword Planner?

Antes de entender o que é o Google Keyword Planner, é preciso saber o que são as palavras-chave, SEO e Google Ads. Dessa forma, fica bem simples compreender o uso dessa ferramenta. Então, o Keyword Planner consiste em um planejador de palavra-chave. (Você pode acessar a ferramenta nesse link)

Essa, aliás, é a tradução do termo em inglês. E, aqui, planejar se refere a ajudar você a encontrar as palavras-chave mais apropriadas para usar em seu site ou blog, e dá uma estimativa do custo para ficar bem posicionado no Google e, assim, garantir um número maior de visitas.

Essa ferramenta substituiu o antigo Keyword Tool, também disponibilizado pelo Google. A principal diferença, agora, é que o Keyword Planner está integrado ao Google Ads. Com isso, quem faz campanhas com o Google Ads se beneficia pela facilidade de criar novos anúncios.

De qualquer forma, todos os usuários interessados em planejar palavras-chave para as campanhas de marketing digital podem acessar e usar essa ferramenta.

Como funciona o Planejador de palavras-chave do Google?

Como funciona o planejador de palavras-chave

O Planejador de palavras-chave é simples e intuitivo de usar, de forma semelhante ao que acontece com as demais ferramentas do Google. No entanto, se você não pretende iniciar uma nova campanha ou mesmo a primeira no Google Ads é preciso pular alguns passos.

Desse modo, primeiro, você deve acessar o Google Ads com a sua conta ou criar uma nova, lembrando que é possível acessar a ferramenta com o seu Gmail.

Depois, no menu superior da página do Google Ads, é preciso selecionar a área de ferramentas e clicar em Planejador de palavras-chave. Se não tiver cadastro ainda, deve informar os dados pessoais.

Já ao selecionar o tipo de conta, opte pela alternativa “gerenciar contas de outras pessoas”. Isso vai levar você para o dashboard da conta gerenciada, sendo necessário ainda clicar em “adicionar nova conta”, onde você deve inserir um nome.

Nessa hora, não se esqueça de informar corretamente os dados de fuso horário e valores, o que vai contribuir para que, posteriormente, o uso da ferramenta seja mais eficiente. Além disso, pule o tutorial, caso contrário, você vai iniciar uma campanha de Google Ads.

Usando o Google Keyword Planner

Se o seu intuito é o de apenas usar o Planejador de palavras-chave do Google para pesquisar as melhores para o seu negócio, digite na ferramenta a palavra-chave que você pretende destacar no seu blog ou site. Assim, vai saber como é a sua aceitação na internet.

Nesse caso, observe qual é a média de pesquisas mensais relacionadas à palavra-chave digitada. Se você está em dúvida sobre uma ou outra, o planejador pode ajudar você a identificar quais das duas é a mais procurada.

Além disso, ao fazer a pesquisa usando uma palavra-chave, aparecem sugestões de palavras relacionadas, chamadas de secundárias ou de apoio.

Dicas para usar o Google Keyword Planner

O Planejador de palavras-chave do Google também mostra informações da concorrência. Ou seja, existe uma opção chamada Concorrência, onde é exibido o número de anunciantes do Google Ads que usam em seus anúncios esse mesmo termo.

Exemplo do planejador de palavras-chave

Assim, a concorrência pode ser baixa, média e alta. Nessa hora, vale a pena fazer algumas ponderações. Você pode achar melhor escolher uma palavra com mais procura, no entanto, ela também pode ter uma maior concorrência o que pode fazer seu custo por clique seja mais elevado. Palavras-chave da cauda longa podem ser uma boa ideia pois são palavras de baixa concorrência e é possível conseguir conversões genuínas.

No Google Keyword Planner, você consegue ainda conferir o Lance Sugerido, que se refere ao valor indicado para investir em um anúncio de links patrocinados, o Google Ads. Vale lembrar que o valor pago é subtraído apenas quando um internauta clica no anúncio.

Já para uma pesquisa ainda mais detalhada, outros recursos são segmentação, período da pesquisa e personalização. A segmentação pode ser por localidade, idioma, pesquisas no Google e seus parceiros.

Também é possível definir palavras-chave negativas, para que não apareçam na sua pesquisa. Quanto à personalização, pode-se usar os filtros de palavra e determinar quais termos precisam sempre ser incluídos ou excluídos do seu levantamento.

Quais as funcionalidades dessa plataforma?

Além de ajudar você a analisar quais as tendências em relação às palavras-chave, a fim de escolher as melhores para o seu negócio, o Google Keyword Planner contribui com a definição de novas palavras. Pode ainda combinar palavras-chave para obter outras.

Isso quer dizer que a ferramenta é útil para o seu negócio nas diferentes etapas da estratégia de marketing. Tanto no início do planejamento, quanto na hora de dar seguimento a sua estratégia já existente e até quando as palavras-chave não são novidades e você quer avançar.

Saiba mais sobre cada uma das funcionalidades dessa plataforma:

Tendências do volume de pesquisas

Com essa funcionalidade do Planejador de Palavras-chave do Google, é possível verificar as tendências do volume de pesquisas. Observe como o termo “Black Friday” tem um pico de buscas nos meses de Outubro e  Novembro.

Pesquisas Black Friday

Busca de novos termos

Essa funcionalidade do Keyword Planner permite que você verifique quais são as palavras-chave mais associadas ao termo que deseja usar nas suas mídias. Para tanto, é possível pesquisar de três maneiras:

  • A partir de uma frase: use frases que você acredita serem usadas pelo seu público alvo;
  • A partir de um site: insira um site na pesquisa para saber quais as palavras-chave usadas. Essa opção é perfeita para pesquisar a concorrência ou antes de comprar um domínio.
  • A partir de uma categoria: selecione o nicho do seu negócio e confira quais são as palavras-chave mais procuradas nesse segmento.

Combinação de listas de palavras-chave

Com essa funcionalidade, você consegue combinar palavras-chave para obter novas palavras-chave. Isso contribui para a sua estratégia quando ela está bem avançada e é preciso ampliá-la.

Como escolher as melhores palavras-chave na ferramenta?

Como você já entendeu, é muito importante saber como escolher as melhores palavras-chave na ferramenta do Google. Afinal, identificá-las é o primeiro passo para iniciar a sua estratégia de marketing digital. Mas como fazer isso?

Mesmo que o Keyword Planner seja muito eficiente, existem outros aspectos a considerar e que complementam o uso dessa ferramenta. Quem está começando agora um negócio e deseja apostar no marketing online pode não saber por onde começar.

O primeiro passo é identificar quais as palavras-chave que mais se relacionam com o seu empreendimento. Quem abriu uma floricultura virtual e criou um blog para gerar conteúdo relevante para o seu público alvo deve pensar nos termos relacionados ao seu negócio.

Nesse exemplo, é possível pensar em floricultura, flores, venda online, rosas e outros. Use essas palavras-chave no Planejador para ter uma ideia de como as pessoas que compram flores online pesquisam por elas no Google.

Já que a internet é muito usada também para aprender a como fazer algo ou onde encontrar, você pode pesquisar por frases como: Onde encontrar flores ou Como escolher flores. Essas são apenas algumas dicas para iniciar a sua pesquisa.

Confira outras dicas:

Conheça o seu público alvo

Público-alvo

Identificar quem são os consumidores em potencial do seu negócio, bem como quais são as suas necessidades é fundamental para qualquer tipo de empreendimento, inclusive, para investir no marketing digital. E para usar essa ferramenta acontece o mesmo.

Isso porque as buscas são determinadas pelo objetivo do consumidor, sendo que ao saber quais são os objetivos do seu público fica mais fácil de prever as suas necessidades. E, assim, as palavras-chave que mais vão ao encontro do que precisam e procuram.

Considere o volume de pesquisas

Como já foi dito, o Keyword Planner mostra o quanto cada palavra é pesquisada por mês. Se um termo é bastante pesquisado, a concorrência tende a ser grande, sendo necessário avaliar os benefícios para o seu negócio.

Além disso, existem palavras-chave mais e menos específicas, que podem ser combinadas na sua estratégia de marketing online. Nesse caso, há três grupos:

  • Head Tail: palavras-chave generalistas que apresentam um maior volume de pesquisas e muita concorrência. Exemplo: flores.
  • Middle Tail: termos mais específicos, mas ainda generalistas. Exemplo: Flores São Paulo.
  • Long Tail: são bastante específicas, por isso, possuem baixa concorrência, contribuindo com o tráfego mais qualificado, ou seja, possivelmente seus clientes em potencial. Exemplo: Flores casamento São Paulo.

Palavras-chave secundárias

Também chamadas palavras-chave de apoio, são essenciais para o marketing de conteúdo, pois como já foi dito, funcionam como sinônimo ou complemento para que o texto não fique repetitivo. Podem ainda ajudar a direcionar melhor o seu público alvo.

A dica é escolher até quatro palavras-chave secundárias para enriquecer o seu conteúdo, pois mais do que isso pode ser exagero. No mesmo exemplo de Flores casamento São Paulo, você pode usar termos como rosas para casamento, flores para noivas e buquê de noiva.

Com o uso adequado do Google Keyword Planner, você consegue não só ter ideias de palavras-chave para o conteúdo de suas mídias, como também conhece melhor a relevância de cada uma e até mesmo se inspira em temas e subtemas que pode usar para os seus textos.



Mais de Rotamáxima Marketing Digital