Quais são os principais fatores de ranqueamento de SEO em 2018?

Quais são os principais fatores de ranqueamento de SEO em 2018

Fatores de ranqueamento SEO 2018

Um bom ranqueamento no Google é algo desejável em todas as facetas do Marketing Digital. Seja por conversão em vendas, divulgação ou criação de tendências. No fim das contas, quanto mais em evidência você estiver, mais fácil é de se conquistar seu objetivo. No entanto, o mundo do Marketing Digital e SEO são ligados diretamente a inúmeros mecanismos complexos.

Considerando que SEO é um ramo tem aumentado sua complexidade cada vez mais com o passar dos anos, um conhecimento cada vez mais profundo do assunto é essencial. Além disso, atualizar-se frequentemente é mandatório.

O ano de 2018 tem várias peculiaridades próprias sobre como o ranqueamento do Google tem funcionado e se você não está completamente por dentro do assunto, está no lugar certo.

Vamos ver o que você deve fazer para aumentar seu posicionamento no ranqueamento do Google da forma mais clara possível. Listamos então, quais são os principais  fatores de ranqueamento nas posições orgânicas do Google.

Básico do SEO

SEO básico

Não podemos deixar de lado o que fazemos constantemente no ramo de forma alguma.

Site Acessível

SEO tem alguns procedimentos que são fundamentos básicos para melhorar seu ranqueamento.

O mapeamento do seu site tem que ser feito da melhor forma possível.

Certifique-se de que seus links estão todos funcionais e acessíveis para que o Google Bot possa fazer sua passagem por todos os cantos do site que você deseja que ele acesse.

É de seu interesse que o Google Bot consiga analisar seus textos e imagens para fazer o processo de indexação.

Uma vez isso tendo sido feito, certifique-se de que todas as suas páginas tem devido valor.

Palavras-Chave

Você sabe quais são as palavras e frases que as pessoas pesquisam mais para ter suas perguntas respondidas? Quais são as palavras mais usadas por aquelas que chegam em seu site?

Você deve trabalhar ativamente em tentar agregar valor às suas páginas de forma que você possa trazer seu público alvo a partir de vários ângulos diferentes.

Geralmente, o ideal se resume a ter um tópico principal e trabalhar em volta dele juntamente com várias outras coisas que estão ligadas a seu objetivo principal.

Se você tem um site de viagens, pode associar viagens a palavras como “férias”, “feriado”, “Europa” e muitas outras.

Crie conteúdo que use as palavras escolhidas e sempre cheque o que tem levado seus usuários ao seu site.

Lembre-se de fazer artigos exclusivamente sobre as palavras secundárias para mencionar ou ligar em algum ponto o assunto ao seu tópico primário, mantendo os usuários navegando pelo seu site e ainda assim, sempre levando-os para onde você os quer.

Verifique suas posições na página do Google

SERP

SERP é a sigla em inglês para Search Engine Results Page, que em português seria algo como “página de resultados do mecanismo de buscas”. SERP é um termo técnico para representar as páginas que exibem os resultados em uma busca na Internet.

O ideal é que você vez ou outra cheque o SERP.  Faça uma pesquisa no Google para ver o que aparece com suas palavras chave e com outras.

A ideia aqui é você conseguir entender o que o Google tem considerado relevante quanto a essa pesquisa.

Uma coisa interessante que pode acontecer é você notar que, enquanto busca uma coisa, aparecem outras que embora levemente relacionadas, não resolvem o problema em questão.

Se você, por exemplo, pesquisa pacotes prontos de férias em Veneza e só aparecem pacotes de férias com passagem em Veneza, você acabou de encontrar algo que pode oferecer como conteúdo que outros não estão fazendo.

Javascript e Ajax

Um outro ponto relevante, embora mais técnico é entender se um javascript pode ser reconhecido pelos buscadores.   De acordo com nossas pesquisas, o Google reconhece sim instruções como “document.write”, ou seja, inserções de conteúdos providas por arquivos JavaScript, entretanto, recomenda-se não utilizar essa técnica ao menos se for estritamente necessária.   Outra dúvida comum é com relação as chamadas em AJAX, embora assinalada com depreciada, sugerimos a leitura da página a seguir para o entendimento dos conceitos associados à indexação em páginas Ajax. //developers.google.com/search/docs/ajax-crawling/docs/getting-started

Traga especialistas para escreverem no seu site

Essa aqui passa despercebido frequentemente e é uma dica importantíssima que funciona frequentemente como diferencial notável no ranqueamento.

Especialistas trazem cliques

Se você quer ler sobre os momentos mais bonitos do futebol nacional, uma pessoa como Ronaldo Fenômeno falando sobre o assunto vai chamar muito mais atenção que o seu vizinho falando sobre os lances favoritos dele.

O exagero é intencional, mas esclarece bem um ponto.

Especialistas trazem consigo credibilidade e leitores. Isso facilita a divulgação orgânica e o link building, o que pode acabar por aumentar as visualizações do seu site significativamente.

O conteúdo vai se tornar mais confiável e notável tanto para os visitantes em geral quanto para o Google, o que definitivamente significará aumento em seu ranking.

Satisfação do pesquisador

Uma vez que a pessoa que clique no seu site encontre o conteúdo que ela quer, ela provavelmente encerra as buscas ali mesmo.

O Google nota quando seu conteúdo satisfaz ou não o pesquisador e isso influencia eventualmente em como sua página vai ser ranqueada.

Trazendo alguém da área para escrever um artigo, você se assegura de que o conteúdo trazido por aquela pessoa fale mais diretamente com quem procura uma solução ou informação e acabe por resolver seus problemas da melhor maneira possível.

Uma vez que o pesquisador saia satisfeito da sua página, o Google percebendo isso, o que vai eventualmente afetar o seu ranqueamento de forma positiva.

Revise, otimize, melhore

O SEMRush recentemente publicou um estudo que analisou os principais fatores de ranqueamento orgânico no Google.

Depois de uma pesquisa complexa com mais de 600.000 palavras chave, o SEMrush conseguiu definir os 4 fatores mais impactantes no ranqueamento orgânico de forma clara, além de listar alguns outros de menor importância por comparação, mas ainda importantes para o SEO, sem dúvida.

SEMRush

Os fatores por ordem de importância

Muito Importantes:

  • Visitas diretas
  • Tempo de navegação
  • Páginas por sessão
  • Taxa de rejeição

Importantes:

  • Total de referências (domínios)
  • Total de Backlinks
  • Total de referências (IPs)
  • Total de Follow Backlinks
  • Tamanho do Conteúdo
  • Segurança (HTTPS)

Menos importantes, mas ainda relevantes:

  • Total de âncoras
  • Palavras-chave em âncoras
  • Palavras-chave na meta-descrição
  • Vídeo na página


Mais de Rotamáxima Marketing Digital

Procurar conteúdo